Reabertura do turismo em Fernando de Noronha: Regras, informativos e dicas.

 

Reabertura do turismo em Fernando de Noronha: Regras e protocolos estabelecidos para visitar a ilha em meio a pandemia do Coronavírus.

Se você está planejando sua viagem para Fernando de Noronha nesse momento de pandemia, aqui estão informações essenciais para sua viagem

Você precisará estar com um exame RT-PCR negativo, feito em até 48h antes do seu embarque e com sua TPA paga. Para quem já teve o COVID as regras continuam as mesmas.

O post já está atualizado com as novas informações referente a terceira etapa que entrou em vigor no dia 21/12/2020  de acordo com a portaria 064/2020 da administração da ilha.

Coronavírus e medidas de segurança para reabertura de Fernando de Noronha

A ilha de Fernando de Noronha pertence ao Estado de Pernambuco, no nordeste do Brasil. A ilha se localiza no oceano atlântico, metade virada para o continente americano e outra metade para o continente africano.

Por ser uma ilha distante e não possuir CTI, as medidas restritivas foram duras mas muito necessárias para conter o vírus em Fernando de Noronha. Ainda bem que tudo foi resolvido em tempo, desde maio não tem mais contaminação comunitária do vírus e a ilha permanece livre da COVID e servindo de exemplo a outras regiões do Brasil.

É importante lembrar que estamos em um momento delicado, e que são necessários sempre todos os cuidados porque o coronavírus ainda está aí e a vacina (está perto de acontecer) não está pronta. Então se atente a todas as instruções que deixarei aqui para você que vai viajar a Noronha e está em dúvida quanto aos detalhes e exigências

Novidades na Taxa de Preservação Ambiental

A Taxa de Preservação Ambiental, mais conhecida como TPA, é uma taxa que você paga por dia de permanência na ilha.

Antes a taxa poderia ser paga ao desembarcar no aeroporto, procedimento que não está mais sendo aceito. Os pagamentos devem ser feitos online, e a novidade é que você pode pagar também pelo cartão de crédito! (Antes os pagamentos onlines só poderiam ser feitos por boleto).

Leve a impressa ou digital a sua TPA, e esteja com ela em lugar acessível ao desembarcar no aeroporto. Depois da comprovação da sua testagem, você vai usar esse QR Code da foto para passar pela catraca.

Comprovação de testagem para a COVID-19 ao entrar na ilha

Uma nova regra e fundamental nesse momento de reabertura do turismo em Fernando de Noronha: Teste RT-PCR em até 48h antes do seu embarque.

O teste precisa ser realizado em até 48h antes do seu embarque, e você precisa da comprovação do teste, ou do seu resultado para entrar na ilha.

Alguns detalhes que podem gerar dúvidas:

Meu resultado não saiu em tempo:
Se você fez o teste, mas o resultado só vai sair em 48h depois, você precisará ficar em quarentena até que o resultado esteja disponível. Mesmo com o teste feito, você só estará liberado para passear na ilha quando o resultado estiver pronto e der negativo, até lá você fica de quarentena na pousada.

Em quarentena na ilha:
Ao passar pela triagem e te informarem que você precisa ficar em quarentena, vão salvar os seus dados e te identificar com uma pulseira no pulso. Na pulseira estará escrito: Em quarentena. Você não pode sair da sua pousada, e suas refeições deverão ser entregues por delivery.

Eu já tive COVID, quais são as regras?
Nesse caso segue valendo a apresentação do exame comprovando que já teve a doença. O RT-PCR, com mais de 20 dias da data do embarque, ou o sorológico, com menos de 90 dias da viagem.

Cheguei com o resultado negativo em mãos, tudo certo?
Sim, seu resultado do RT-PCR feito em até 48h antes do embarque com resultado negativo você está pronto para entrar. Vai passar pela triagem que vai ver o seu exame e te orientar sobre o exame que você precisará fazer na própria ilha posteriormente.

Frequência da testagem

A partir da terceira etapa de reabertura da ilha, a testagem não precisa mais ser feita em todos os turistas que deixarem a ilha.

Esse teste será feito por amostragem em uma seleção aleatória de 30% dos passageiros do vôo. Os visitantes serão notificados sobre a necessidade do teste e serão orientados aos locais e horários para fazê-lo.

O que fazer em Fernando de Noronha em 5 dias: Roteiro:

Dia 1(chegada na ilha):
Ao desembarcar do avião, vá para a pousada e deixe suas coisas. Pegue um táxi para curtir o pôr do sol no Mirante do Boldró.

Dia 2:
Separe a manhã para curtir a praia eleita a mais linda do mundo: Praia do Sancho(Antes vá a Vila do Boldró para retirar o seu cartão de visitante no ICMBIO).
No mesmo caminho do Sancho, ande 280m na passarela para conhecer a vista de tirar o fôlego de Noronha: O mirante dois irmãos.
Separe o fim da tarde para o pôr do sol na Praia Cacimba do padre.

Dia 3:
Conheça o buraco da Raquel e o museu do Tubarão.
Aproveite a praia mansinha e deliciosa do Porto de Santo Antônio. O letreiro de Noronha fica bem ali, faça seus registros e Noronhe-se!
De lá vá ao Forte de Nossa Senhora dos Remédios, a vista de Noronha é linda!
Aproveite o pôr do sol na praia do cachorro.

Dia 4:
Aproveite a manhã na Praia do Bode e tire fotos com o Dois irmãos de fundo!
Curta a baia do Sueste e suas águas quentinhas, desfrutando a estrutura do PIC.
A praia do Leão fica logo próxima e tem um lindo mirante para apreciar.
Para fechar a tarde, curta um pôr do sol na praia da Conceição.
Á noite aproveite o centro gastronômico da Vila dos Remédios para provar os sabores e curtir mais de Noronha.

Dia 5 (saída da ilha):
Escolha uma praia de sua preferência, para curtir antes do checkout da pousada e pegar o seu vôo. Sugestão: Praia do Meio.



O pequeno Aeroporto de Fernando de Noronha recebe vôos vindos de Recife e Natal das empresas Gol e Azul. É um aeroporto pequeno, você já deve imaginar que ao desembarcar um vôo lotado a fila de desembarque fica grande…

Mas se você já tiver com suas taxas e documentações pagas, já consegue sair dali rumo a sua hospedagem. E na hora de pegar o vôo de volta, como o aeroporto está pertinho e não tem engarrafamento, você não precisa sair com horas de antecedência.

O Aeroporto tem algumas lojinhas de souvenirs, um guichê da Gol e um da Azul para atendimento presencial. Para lanches você vai encontrar duas cafeterias ao lado do banheiro, nessa região ficam mesas e tomadas também.

A ilha principal de 17km2 é um espaço que pode ser facilmente explorado por viajantes, visto que não é tão grande se comparado a cidades e distritos brasileiros.

Isso pode facilitar em Fernando de Noronha o que fazer e como se locomover com facilidade. Vou deixar aqui as opções mais usadas, e já adianto que na ilha não pega Uber, uma pena:

TÁXI

É o meio de transporte mais comum, e se comparado aos preços aqui do continente ele é bem mais caro. Mas dentro do padrão de preços de Noronha, essa é uma opção acessível, principalmente se você está em mais de 2 pessoas.

Os valores das corridas são tabelados, os táxis da ilha fazem parte da cooperativa Nortax. Para ver a tabela de preços do site da cooperativa, acesse aqui. Você vai encontrar muitas informações sobre os valores e os táxis. Essa foi a minha escolha, e o custo x benefício foi ótimo!

Em Noronha o táxi é bem solicitado. Salve o contato de um taxista para chamar sempre que precisar! Recomendo: DD taxista (81) 96312131

ALUGUEL DE BUGGY

De todas as modalidades, essa é a mais cara. Ao chegar na ilha eu fui em uma locadora na Vila do Boldró perguntar o preço da diária e pasmem: 350 reais por dia!!! Mas no final das contas temos uma boa notícia: Pechinchando você pode encontrar valores melhores.

Eu depois de muito pesquisar consegui fechar uma diária de buggy por R$230 pagando no dinheiro. Decidimos pegar um buggy por um dia para fazer um “ilha tour por conta própria”. Ficou bem mais barato do que um passeio de ilha tour por agência e muito mais confortável e econômico também.

Para contatar o locador de Buggy que eu conheci em Noronha, salve o contato do Adriano (81)96892148.

ÔNIBUS

O ônibus é a opção mais barata, mas por vezes pode não ser vantajosa, eu explico: Ele roda na BR-363 (única pista em Noronha), então por mais que ele te deixe em pontos aproximados da praia, são raras as atrações que você vai ficar em frente a praia desejada. A tarifa custa R$5,00

Em muitos casos você vai andar mais 5,10,15,20…. minutos em uma estrada de terra batida para chegar na praia. Por isso calcule o seu tempo e quanto fica a corrida, no fim das contas você pode pagar alguns reais a mais da tarifa de R$5,00 e estar bem em frente ao ponto escolhido.

Como economizar em Fernando de Noronha: Dicas


Se me perguntarem se Noronha é barato, eu respondo de pronto: Não! Mas não quer dizer que não dê para economizar, e tornar assim uma viagem desse tipo bem mais barata do que vemos por aí.

Então, eu reuni algumas dicas que eu vi na prática que foram muito úteis na minha viagem, e algumas dicas de barateza para você economizar também.

Fernando de Noronha o que fazer para economizar e não cair em furada:

  • Leve os seus alimentos na mala (ou maior parte deles), assim você economiza bastante visto que na ilha os preços nos mercados são bem mais salgados.
  • Leve dinheiro em espécie, você vai conseguir barganhar nos preços de passeios e alugueis com dinheiro vivo e economizar bem.
  • Prepare os seus lanches para levar à praia, algumas não tem opções de bares ou barracas, mas as que têm os preços são bem caros.
  • Se for fazer snorkel, leve seus próprios equipamentos. O aluguel sai em média 20 reais por cada peça alugada.
  • Para economizar alugue buggy por um dia ao invés de contratar o passeio ilha tour. Sai muito mais barato, em torno de R$77 por pessoa, com destinos à escolha e o carro a disposição por 24h.
  • A Ilha tem o fuso horário de 1 hora a mais que o horário de Brasília.
  • A voltagem de lá é de 220v, leve um adaptador caso os seus equipamentos elétricos não sejam bivolt.
  • Leve uma bolsa térmica para a viagem, assim você pode manter seus lanches, sucos e água frescos durante o passeio.




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

CONSÓRCIO DE VIAGENS, VALE A PENA PLANEJAR E VALE A PENA INVESTIR - PARTE 2

CONSÓRCIO DE VIAGENS, VALE A PENA PLANEJAR E VALE A PENA INVESTIR - PARTE 1

Feriados de 2021: confira os feriados e planeje a sua viagem!